CURSO DE INTRODUÇÃO À ECONOMIA

IREE ESCOLA

EPB

ECONOMIA PARA

PENSAR O

BRASIL

FAÇA SUA INSCRIÇÃO

Realização

Apoio

O MUNDO ESTÁ MUDANDO

ENTENDA QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS CONCEITOS

DA ECONOMIA QUE ORGANIZAM NOSSAS VIDAS

Os anos 80 trouxeram uma grande instabilidade monetária. No auge da hiperinflação, os economistas se tornaram essenciais para pensar e mudar o Brasil.

O Plano Real foi um marco na superação desse problema.

Mas nós nunca conseguimos acabar com as desigualdades regionais, com a pobreza, com a ineficiência de alguns setores empresariais e com os obstáculos ao crescimento econômico sustentável.

A recessão dos últimos 5 anos, o desmantelamento de mercados essenciais, como o de infraestrutura, trouxeram a economia novamente para o centro dos problemas brasileiros.

Conhecer os conceitos elementares da economia e a sua dinâmica de funcionamento é requisito do exercício da cidadania. E esse conhecimento está longe de ser acessível apenas aos economistas.

Supervisores científicos

Walfrido Warde

Walfrido Warde

Supervisor

Rafael Valim

Rafael Valim

Supervisor

COORDENADORAS CIENTÍFICAS E PROFESSORES

Juliane Furno

Juliane Furno

Coordenadora

Iriana Cadó

Iriana Cadó

Coordenadora

Paulo Gala

Paulo Gala

Professor

Leda Paulani

Leda Paulani

Professora

James Galbraith

James Galbraith

Professor

Jayati Ghosh

Jayati Ghosh

Professora

Luiz Gonzaga Belluzzo

Luiz Gonzaga Belluzzo

Professor

Nelson Marconi

Nelson Marconi

Professor

Esther Dweck

Esther Dweck

Professora

Ladislau Dowbor

Ladislau Dowbor

Professor

VER LISTA COMPLETA

CONHEÇA A
PROGRAMAÇÃO

  • Módulo 1: Economia de portas abertas: produto, renda, balanço de pagamento e produto interno bruto
    Dia 1
    Professor

    Aula 1

    O que é economia? E por que estudar economia?

    Antônio Correa de Lacerda

    Aula 2

    Conceitos básicos iniciais: produto, fluxo circular da renda e despesa agregada.

    Nelson Marconi

    Dia 2
    Professor

    Aula 3

    Identidades macroeconômicas, Sistema de contas nacionais e balanço de pagamento.

    Leda Paulani

    Aula 4

    Como se estrutura o mercado? Preços e moedas:

    Leda Paulani

  • Módulo 2: Nada é por acaso! O que já se pensou? Teorias econômicas: dos fisiocratas aos keynesianos
    Dia 3
    Professor

    Aula 5

    Os fisiocratas: renda da terra, riqueza do trabalho e teoria das vantagens comparativas – Adam Smith e David Ricardo.

    Simone

    Simone Deos

    Aula 6

    A revolução neoclássica: equilíbrio perfeito, regulação via mercado.

    Istvan Kasznar

    Dia 4
    Professor

    Aula 7

    Capital como relação social, teoria do valor, capital portador de juros.

    Alfredo Saad

    Aula 8

    Keynes: Princípio da Demanda Efetiva, pleno emprego, taxas de juros (natural e de mercado) papel da política fiscal e monetária.

    Luiz Gonzaga Belluzzo

  • Módulo 3: Economias de contato: comércio internacional e política cambial
    Dia 5
    Professor

    Aula 9

    Importações e Exportações: balança de pagamentos.

    Taciana Santos

    Dia 6
    Professor

    Aula 10

    Conceitos acerca da taxa de câmbio e regimes cambiais: implicações práticas?

    Pedro Rossi

  • Módulo 4: Política Monetária
    Dia 7
    Professor

    Aula 11

    A moeda: importância e funções.

    Guilherme Mello

    Aula 12

    Criar moeda, inflação e taxa de juros.

    Fábio Terra

    Dia 8
    Professor

    Aula 13

    Como funciona o sistema bancário?

    André Roncaglia

    Aula 14

    Temas monetários: financeirização.

    Ladislau Dowbor

  • Módulo 5: Política Fiscal
    Dia 9
    Professor

    Aula 15

    O que é o orçamento público.

    Iriana Cadó

    Aula 16

    Quais são os fundamentos teóricos das contas nacionais? O papel do Estado na condução do gasto público.

    Daniel Conceição

    Aula 17

    Conceitos Macroeconômicos que envolvem o orçamento: multiplicador fiscal, déficit e inflação, ajuste fiscal e crescimento econômico .

    Esther Dweck

    Aula 18

    Estrutura Tributária Nacional: tributação direta e indireta.

    Eduardo Fagnani

  • Módulo 6: Mercado de trabalho
    Dia 10
    Professor

    Aula 19

    A concepção clássica da divisão social do trabalho.

    André Cardoso

    Aula 20

    Teoria do valor-trabalho, centralidade da categoria trabalho, constituição do mercado com o advento do capitalismo.

    Rosa Maria Marques

    Dia 11
    Professor

    Aula 21

    Constituição do mercado de trabalho no Brasil: heterogeneidade estrutural, salários e produtividade.

    Marcio Pochmann

    Aula 22

    Transformações recentes no mercado de trabalho: flexibilização e automação.

    Marilane Teixeira

  • Módulo 7: Desenvolvimento econômico
    Dia 12
    Professor

    Aula 23

    Diferença: Desenvolvimento x Crescimento.

    Paulo Gala

    Aula 24

    Mudança estrutural, desenvolvimento e subdesenvolvimento.

    Juliane Furno

    Aula 25

    Interpretações acerca do desenvolvimento econômico.

    Leidiano Farias

    Aula 26

    Desafios ao desenvolvimento nacional.

    Nelson Marconi

    Nelson Marconi

  • Aulas Bônus
    Dia 13
    Professor

    Aula 1

    O Papel das economias asiáticas na economia global hoje.

    Jayati

    Jayati Ghosh

    Aula 2

    A atual crise econômica.

    Ben Fine

    Ben Fine

    Aula 3

    A América Latina e o caminho para o desenvolvimento econômico.

    Matias Vernengo

    Matias Vernengo

    Aula 4 - A economia política da pandemia global.

    James Galbraith

    James Galbraith

    Aula 5

    Descolonizando as Ciências Econômicas

    Carolina Alves

    Carolina Alves

    Aula 6

    Um olhar para raça e gênero no mercado de trabalho no Brasil

    Ana Georgina

    Ana Georgina da Silva Dias

    Aula 7

    Economia e Infraestrutura

    Igor Rocha

    Igor Rocha

bôu

Alfredo Saad-Filho

Alfredo Saad-Filho é professor de Economia Política e Desenvolvimento Internacional no King’s College London. Ele foi Chefe do Departamento de Estudos de Desenvolvimento da SOAS Universidade de Londres entre 2006 e 2010, Diretor da Escola de Doutorado da SOAS entre 2018 e 2019, e Oficial Sênior de Assuntos Econômicos da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD) em 2011-2012. Alfredo foi agraciado com a Medalha de Honra da Universidade Federal de Goiás em 2014, e o Prêmio de Ensino da Diretora da SOAS em 2016. Alfredo é formado em Economia pelas Universidades de Brasília (Brasil) e Londres (SOAS), e tem ensinado em universidades e instituições de pesquisa na Alemanha, Brasil, Canadá, China, Itália, Japão, Moçambique, Suíça e Reino Unido. Seus interesses incluem a economia política do desenvolvimento, a política industrial, o neoliberalismo, a democracia, as políticas econômicas alternativas, o desenvolvimento econômico e político latino-americano, a inflação e a estabilização, e a teoria do valor-trabalho e suas aplicações. Suas publicações acadêmicas incluem 10 livros, 70 artigos em periódicos, 50 capítulos de livros e 30 relatórios e outras contribuições para a ONU e outras agências internacionais, especialmente UNCTAD, UNDP, UN-ESCWA e UN-DESA. Esses escritos abrangem críticas do (pós-) consenso de Washington, as políticas do FMI e do Banco Mundial; alternativas de política econômica em favor dos pobres; análises concretas de políticas fiscais, monetárias, financeiras, balanço de pagamentos e emprego, metas de inflação, uso de recursos e formulação de políticas na África Subsaariana, América Latina (especialmente Brasil) e o Oriente Médio. Seu trabalho foi publicado em duas dúzias de países e em 15 idiomas, e apresentado em mais de 250 eventos acadêmicos em 30 países.

Ana Georgina da Silva Dias

Ana Georgina da Silva Dias Graduada em Ciências Econômicas, pela Universidade de Brasília - UnB, em 1997. Trabalhou na Secretaria de Política Agrícola, no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento entre os anos de 1998 e 2001. Ingressou nos quadros do DIEESE – Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicas, em 2001. Inicialmente na Subseção do DIEESE na Confederação Nacional dos Trabalhadores na Indústria (CNTI), onde permaneceu até o ano de 2004. Em 2005, assume a Subseção do DIEESE no Sindicato dos Químicos do Estado da Bahia, onde permaneceu até o início de 2007. Desde março de 2007 está na supervisão técnica do Escritório Regional do DIEESE na Bahia.

Ana Georgina da Silva Dias

Ana Georgina da Silva Dias Graduada em Ciências Econômicas, pela Universidade de Brasília - UnB, em 1997. Trabalhou na Secretaria de Política Agrícola, no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento entre os anos de 1998 e 2001. Ingressou nos quadros do DIEESE – Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicas, em 2001. Inicialmente na Subseção do DIEESE na Confederação Nacional dos Trabalhadores na Indústria (CNTI), onde permaneceu até o ano de 2004. Em 2005, assume a Subseção do DIEESE no Sindicato dos Químicos do Estado da Bahia, onde permaneceu até o início de 2007. Desde março de 2007 está na supervisão técnica do Escritório Regional do DIEESE na Bahia.

André Cardoso

Coordenador do escritório Brasil do Instituto Tricontinental de Pesquisa Social.
Formado em economia pela Universidade Presbiteriana Mackenzie com mestrado em Economia e Desenvolvimento pela Universidade Federal de São Paulo - Campus Osasco (UNIFESP) e doutorando em Economia Política Mundial pela Universidade Federal do ABC (UFABC).
Trabalhou como assessor econômico no Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) por sete anos, trabalhando diretamente com a Confederação Nacional dos Metalúrgicos. Nesse período publicou uma análise do setor metalúrgico no Brasil e no mundo do trabalho nos anos de 2003 a 2013 intitulado "As Faces da Indústria Metalúrgica no Brasil"

André Roncaglia

Economista e professor na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e pesquisador associado ao CEBRAP. É graduado em Ciências Econômicas, com mestrado em Economia, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Foi doutorando visitante na University of Massachusetts Amherst, com doutorado em Economia do Desenvolvimento pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade – USP. Tem experiência nos temas: inflação e política monetária, economia monetária, macroeconomia do desenvolvimento, história do pensamento econômico, economia financeira e economia brasileira. Já lecionou em instituições como Mackenzie, FGV-SP, FIPECAFI e FECAP. Recentemente, publicou o livro "Brasil, um economia que não aprende", em co-autoria com Prof. Paulo Gala (FGV-SP).

Igor Rocha

Diretor de Planejamento e Economia da ABDIB – Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base. Formado em Ciências Econômicas pela PUC-SP, mestre pela Unicamp e doutor pela Universidade de Cambridge.

Tem experiência na área de economia industrial, infraestrutura, economia brasileira, desenvolvimento econômico e modelos insumo-produto. Recebeu em 2012 o prêmio Luca d'Agliano (Itália) e em 2019 ficou em primeiro lugar no prêmio ABDE-BID na categoria desenvolvimento em debate.

É também Professor do programa MBA PPP e Concessões da FESPSP e LSE, bem como pesquisador associado da FGV-SP.

Ben Fine

Ben Fine é professor de economia na Escola de Estudos Orientais e Africanos da Universidade de Londres. Co-autor e editor de mais de trinta livros e autor de mais de 250 artigos cobrindo uma ampla gama de teoria econômica, política econômica e social, economia do desenvolvimento, economia política e história do pensamento econômico, com um forte compromisso intelectual com a interdisciplinaridade. Diferentes livros foram premiados com os prêmios Gunnar Myrdal e Deutscher em 2009.

Minha área de especialidade SOAS é a África do Sul. Membro fundador do Comitê de Pesquisa em Ciências Sociais da Food Standards Agency do Reino Unido e presidiu o Grupo de Trabalho sobre Reforma dos Controles de Matadouros. Compôs um dos quatro consultores especializados internacionais na Comissão de Mercado de Trabalho da África do Sul 1995/96 do Presidente Mandela. Foi Editor de Pesquisa no Setor de Indústria e Emprego do Conselho da Grande Londres e assessorei o PNUD, UNRISD, UNDESA, UNCTAD, Oxfam e outras organizações progressistas, incluindo sindicatos e organizações da sociedade civil. Atualmente é Presidente da Iniciativa Internacional para a Promoção da Economia Política, IIPPE, iippe.org.

Carolina Alves

Carolina Alves é a Joan Robinson Research Fellow em economia heterodoxa da Universidade de Cambridge, Girton College.
Especialista em macroeconomia, economia marxista e também economia política internacional.
Atualmente, Carolina faz parte do Cambridge Social Ontology Group e Alternative Approaches to Economics Research Group – Faculty of Economics, Cambridge. Carolina também é co-fundadora da iniciativa Diversifying and Decolonising Economics (DEcon).

Daniel Conceição

Daniel Negreiros Conceição é economista e professor do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional (IPPUR) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Fez sua pós-graduação em Economia e Ciências Sociais na Universidade do Missouri em Kansas City (UMKC), com foco em macroeconomia e finanças públicas funcionais. É um dos autores do livro “Teoria Monetária Moderna: a chave para uma economia a serviço das pessoas", primeiro manual brasileiro sobre o tema, publicado pela Editora Nova Civilização.

Daniel Conceição

Daniel Negreiros Conceição é economista e professor do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional (IPPUR) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Fez sua pós-graduação em Economia e Ciências Sociais na Universidade do Missouri em Kansas City (UMKC), com foco em macroeconomia e finanças públicas funcionais. É um dos autores do livro “Teoria Monetária Moderna: a chave para uma economia a serviço das pessoas", primeiro manual brasileiro sobre o tema, publicado pela Editora Nova Civilização.

Eduardo Fagnani

Possui graduação em Economia pela Universidade de São Paulo (1976), Mestrado em Ciência Política pela Universidade Estadual de Campinas (1985) e Doutorado em Ciência Econômica pela Universidade Estadual de Campinas (2005). Atualmente é professor do Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas (IE/UNICAMP), pesquisador do Centro de Estudos Sindicais e do Trabalho (CESIT/IE-UNICAMP) e coordenador da rede Plataforma Política Social - Agenda para o Desenvolvimento ( www.plataformapoliticasocial.com).

Esther Dweck

Possui graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1998) e doutorado em Economia da Indústria e da Tecnologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2006), com;Doutorado Sanduíche; no LEM da Scuola SantAnna, em Pisa, Itália.
É Professora Adjunta do Instituto de Economia da UFRJ. Tem experiência na área de Economia, com ênfase em economia do setor público, crescimento e desenvolvimento econômico, atuando principalmente nos seguintes temas: regime fiscal e participação do Estado, crescimento liderado pela demanda, integração micro-macro, restrição de balanço de pagamentos, análises de insumo-produto e modelos de simulação.
Entre junho de 2011 e março de 2016, atuou no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, no cargo de Chefe da Assessoria Econômica e como Secretária de Orçamento Federal. E entre março de 2016 e maio de 2016, ocupou o cargo de Subchefe de Análise e Acompanhamento de Políticas Governamentais da Casa Civil da Presidência da República.

Fábio Terra

Fabio Terra (Professor da UFABC e do PPGE-UFU)

Ladislau Dowbor

Ladislau Dowbor é economista e professor titular de pós-graduação da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Foi consultor de diversas agências das Nações Unidas, governos e municípios, além de várias organizações do sistema “S”. Autor e co-autor de cerca de 40 livros, toda sua produção intelectual está disponível online na página dowbor.org.

Ladislau Dowbor

Ladislau Dowbor é economista e professor titular de pós-graduação da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Foi consultor de diversas agências das Nações Unidas, governos e municípios, além de várias organizações do sistema “S”. Autor e co-autor de cerca de 40 livros, toda sua produção intelectual está disponível online na página dowbor.org.

Fernanda Cardoso

Professora dos Bacharelados em Ciências e Humanidades e Ciências Econômicas, e do Programa de Pós Graduação em Economia Política Mundial da UFABC. Doutora em Economia das Instituições e do Desenvolvimento pela FEA-USP. Atualmente é coordenadora do Bacharelado em Ciências Econômicas da UFABC. Autora do livro Nove Clássicos do Desenvolvimento Econômico.

Marcio Pochmann

Marcio Pochmann é economista formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Possui doutorado em Ciência Econômica pela Unicamp. Foi Supervisor Técnico do DIEESE em Brasília. Foi consultor internacional em diversos organismos multilaterais, entre eles na Organização Internacional do Trabalho (OIT), Fundo das Nações Unidas pera a Infância (Unicef) e da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL).

Foi Secretário da Secretaria Municipal do Desenvolvimento, Trabalho e Solidariedade da Prefeitura de São Paulo entre 2001 e 2004. De 2007 a 2012 foi Presidente do IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada). Entre 2013 e 2020 foi Presidente da Fundação Perseu Abramo.

Atualmente é professor do Instituto de Economia da Unicamp e pesquisador do Centro de Estudos Sindicais e de Economia do Trabalho (CESIT) do Instituto de Economia da Unicamp.

Iriana Cadó

Economista e Cientista Social, especialista em economia social e do trabalho pela Unicamp e mestranda em Desenvolvimento Econômico pela Unicamp. Pesquisadora do Centro de Estudos Sindicais, Economia Social e do trabalho (CESIT) do Instituto de Economia da Unicamp. Com artigos e publicações em jornais e revistas sobre os seguintes temas: recessão econômica, políticas de austeridade, orçamento público, mercado de trabalho, economia feminista e gênero.

Jayati Ghosh

Jayati Ghosh, é uma das mais importantes economistas mundiais. É professora de Economia na Universidade Jawaharlal Nehru, em Nova Délhi, Secretaria Executiva da International Development Economics Associates (Ideas), e membro da Comissão Independente pela Reforma Tributária de Corporações Internacionais.

Suas principais áreas de estudo incluem economia internacional, padrões de emprego em países em desenvolvimento, política macroeconômica e questões relacionadas a gênero e desenvolvimento.

Juliane Furno

Juliane Furno: é cientista social, mestre e doutora em Desenvolvimento Econômico no Instituto de Economia da Unicamp. É especialista em mercado de trabalho, desenvolvimento econômico e política industrial no setor de Petróleo e Gás. É colunista do Jornal Brasil de Fato.

Juliane Furno

Juliane Furno: é cientista social, mestre e doutora em Desenvolvimento Econômico no Instituto de Economia da Unicamp. É especialista em mercado de trabalho, desenvolvimento econômico e política industrial no setor de Petróleo e Gás. É colunista do Jornal Brasil de Fato.

Antonio Corrêa de Lacerda

Antonio Corrêa de Lacerda, Prof. Dr. e Diretor da FEA-PUCSP. presidente do Conselho Federal de Economia (Cofecon) é Sócio-Diretor da ACLacerda- Consultores Associados. ´ Doutor pelo IE/Unicamp, é autor de mais de 20 livros, sendo o mais recente "O mito da austeridade" (Editora Contracorrente). Foi um dos ganhadores do Prêmio Jabuti , da Câmara Brasileira do Livro, com a obra "Desnacionalização", no ano de 2001

Leda Paulani

Leda Paulani, economista e doutora em Economia pelo IPE-USP, é professora do Departamento de Economia da FEA-USP e da pós-graduação em Economia do IPE-USP. Tem artigos publicados em revistas acadêmicas nacionais e estrangeiras e é membro do conselho editorial de publicações, como a Revista de Economia Política. Em 2013, com a eleição do prefeito Fernando Haddad, em São Paulo, foi escolhida para comandar a Secretaria Municipal de Planejamento.

José Leidiano Peixoto Farias

José Leidiano Peixoto Farias. Historiador formado na Universidade Estadual do Ceará. Mestrando em Economia Política Mundial na UFABC. Atuando nos seguintes temas: Concepções de desenvolvimento, história do pensamento econômico, formação social brasileira, revoluções latino americanas, História do Marxismo.

Marilane Teixeira

Economista, mestre em economia política, doutora em desenvolvimento econômico pelo IE-UNICAMP, pesquisadora do CESIT-IE da UNICAMP nas áreas de trabalho, gênero, sindicalismo e professora da FLACSO/FPA. E assessora sindical.

Matías Vernengo

Matías Vernengo é Professor Titular da Bucknell University. Ele foi Administrador Sênior do Banco Central da Argentina, e professor na University of Utah e titular da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), sendo que nesta última ele obteve o grau de bacharel e o mestrado em economia. O professor Vernengo é doutor pela New School for Social Research, e foi consultor de diversos órgãos das Nações Unidas, escreveu dois livros, editou seis, e tem mais de cem artigos entre revistas especializadas e capítulos de livros. Ele se especializa em macroeconomia de países em desenvolvimento, economia política internacional e história do pensamento econômico. É atualmente coeditor da Review of Keyensian Economics (ROKE) e editor em chefe do New Palgrave Dictionary of Economics.

Nelson Marconi

É graduado em economia pela PUC-SP, mestre e doutor em economia pela FGV-SP e pesquisador visitante em Harvard. Foi também pesquisador visitante no MIT. É professor adjunto dos cursos de graduação, mestrado e doutorado acadêmico e mestrado profissional em Administração Pública e Governo, na EAESP-FGV.

Paulo Gala

Graduado em Economia pela FEA/USP. Mestre e Doutor em Economia pela Fundação Getúlio Vargas em São Paulo. Foi professor visitante nas Universidades de Cambridge UK em 2004 e Columbia NY em 2005. É professor de economia na FGV-SP desde 2002.

Pedro Rossi

Professor do Instituto de Economia da Unicamp, trabalha com os aspectos macroeconômicos do desenvolvimento brasileiro, com os impactos sociais da política fiscal e com o tema da taxa de câmbio e da política cambial. Formado em economia na UFRJ com mestrado e doutorado na Unicamp, hoje é pesquisador do Centro Centro de Estudos de Conjuntura e Política Econômica (CECON) da UNICAMP. Autor do livro “Taxa de Cambio e Política Cambial no Brasil” e co-organizador do livro “Economia para Poucos: impactos sociais da austeridade e alternativas para o Brasil”. www.pedrorossi.org

Ricardo Carneiro

Ricardo Carneiro é mestre e doutor em Ciência Econômica pela Universidade Estadual de Campinas - Unicamp. Foi diretor executivo pelo Brasil e Suriname do Banco Interamericano de Desenvolvimento em Washington (2012/2016). Atualmente é professor titular aposentado e professor colaborador da Unicamp.

Rosa Marques

Economista e Professora titular do Departamento de Economia e do Programa de Estudos Pós-graduados em Economia Política da PUCSP.
Ex-presidente da Sociedade Brasileira de Economia Política (SEP) e da Associação Brasileira de Economia da Saúde (ABrES).

Simone de Deos

Graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1990), Mestrado em Economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1997), Doutorado em Ciências Econômicas pela Universidade Estadual de Campinas (2001), Pós Doutorado no Levy Economics Institute, Bard College (2015) e Livre-Docente pelo Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Atualmente, é Professora do Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Ciências Econômicas e Coordenadora Geral da Pós-Graduação desta instituição.

Taciana Santos

"Doutoranda em Desenvolvimento Econômico no Instituto de Economia da Unicamp, Mestre em Desenvolvimento Econômico pelo Instituto de Economia da Unicamp e bacharel em Ciências Econômicas pela PUCRS. Realiza pesquisas científicas na área da economia interdisciplinar, especialmente no campo de Políticas Públicas, Economia das Drogas e Sistema Prisional. É pesquisadora do LEIPSI - Laboratório de Estudos Interdisciplinares sobre Psicoativos e membra da REDESDAL (La Red de Estudios Sobre Drogas en América Latina)."

Istvan Kasznar

Possui graduação em Economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ (1979); graduação em Administração pela Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas - EBAPE (1980); e mestrado em Economia pela Fundação Getúlio Vargas - RJ (1982) - EPGE e doutorado em Business Administration - California Coast University (1995).

Recebeu a seguinte avaliação ao completar seu título de Ph.D.: "Dr. Kasznar graduated with the honors Magna cum laude. Magna cum laude is a title awarded to students when they graduate to recognize sustained academic achievement". Atualmente é professor titular, NRD6 e Assessor da Presidência da Fundação Getúlio Vargas - RJ.

Tem experiência nas áreas de Economia, Administração, Negócios e Empreendedorismo Estratégico com ênfase em Macroeconomia; Microeconomia; Economia no Setor Público; Políticas Monetária, Fiscal e Cambial; Finanças Corporativas e Internacionais; Negociação Internacional e Comércio; e Logística e Distribuição. É consultor e conselheiro internacional de grandes corporações, federações e confederações.

Walfrido Warde

Bacharel em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, bacharel em Filosofia pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, Master of Laws pela Universidade de Nova York.
Doutor em Direito pela Universidade de São Paulo, quatro vezes pesquisador bolsista no Max-Planck-Institut für ausländisches und internationales Privatrecht, autor de dezenas de livros e artigos e autor do best seller “O espetáculo da corrupção”. Presidente do IREE.

Rafael Valim

Doutor e mestre em Direito Administrativo pela PUC-SP, onde lecionou de 2015 a 2018, atualmente é professor visitante na University of Manchester (Inglaterra), na Université Le Havre Normandie (França), na Universidad Panamericana (México), na Universidad de Comahue (Argentina) e acadêmico visitante no Institute of European and Comparative Law da Universidade de Oxford (Inglaterra).
Autor de dezenas de livros e artigos, publicados no Brasil e no exterior.

Walfrido Warde

Bacharel em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, bacharel em Filosofia pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, Master of Laws pela Universidade de Nova York.
Doutor em Direito pela Universidade de São Paulo, quatro vezes pesquisador bolsista no Max-Planck-Institut für ausländisches und internationales Privatrecht, autor de dezenas de livros e artigos e autor do best seller “O espetáculo da corrupção”. Presidente do IREE.

Luiz Gonzaga Belluzzo

Formou-se em Direito pela Universidade de São Paulo (USP) em 1965, e também estudou Ciências Sociais na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP. Ingressou no curso de pós-graduação em Desenvolvimento Econômico, promovido pela CEPAL/ILPES e graduou-se em 1969. Foi professor colaborador na Universidade Estadual de Campinas, onde doutorou-se em 1975 e tornou-se professor-titular em 1986. Entre 1974 e 1992, foi assessor econômico e secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda (1985-1987), durante o governo de José Sarney. De 1988 a 1990, foi secretário de Ciência e Tecnologia do estado de São Paulo, durante a gestão do falecido ex-governador Orestes Quércia.
Foi chefe da Secretaria Especial de Assuntos Econômicos do Ministério da Fazenda (governo Sarney). Fundou a Facamp (Faculdades de Campinas), juntamente com os economistas João Manuel Cardoso de Mello, Liana Aureliano e Eduardo da Rocha Azevedo. Em 2001, foi incluído no Biographical Dictionary of Dissenting Economists entre os 100 maiores economistas heterodoxos do século XX. Recebeu o Prêmio Intelectual do Ano ? Prêmio Juca Pato, de 2005. É considerado o melhor economista heterodoxo do Brasil, devido às suas interpretações, sugestões e críticas à sociedade brasileira, sob a ótica de Karl Marx e John Maynard Keynes. Já foi membro do Conselho Diretor da mantenedora da Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo. Foi presidente do Conselho Deliberativo do IPSO ? Instituto de Pesquisas e Projetos Sociais e Tecnológicos.
Era membro do Conselho de Administração da Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F), além de consultor editorial da revista semanal Carta Capital. Foi ainda conselheiro da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP). Foi presidente do Conselho Curador da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), que opera a TV Brasil, emissora pública criada no Governo Lula. Fazia parte também, do conselho deliberativo do Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento. Foi consultor pessoal de economia do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Guilherme Mello

Guilherme Mello é doutor em Ciência Econômica pela Unicamp. É professor do Instituto de Economia da UNICAMP e diretor do Centro de Estudos de Conjuntura do IE/UNICAMP. Foi assessor econômico para a campanha de Fernando Haddad à Presidência da República.

James Galbraith

Professor de economia e uma variedade de outras disciplinas na Escola LBJ e no Departamento de Governo da UT Austin. É formado em Harvard e Yale (Ph.D. em Economia, 1981). Estudou economia como Marshall Scholar no King's College, Cambridge, e depois serviu na equipe do Congresso dos EUA, inclusive como diretor executivo do Comitê Econômico Conjunto, antes de ingressar na faculdade da Universidade do Texas como professor.

É autor de seis livros e várias centenas de artigos acadêmicos e de políticas.